Navio australiano capta sinais “compatíveis” com caixas-pretas do voo da Malaysian Airlines

Um navio australiano detectou novos sinais “compatíveis” com as caixas-pretas do avião da Malaysian Airlines, desaparecido no Oceano Índico há um mês, e a pista é considerada a “mais promissora” encontrada até agora.

Angus Houston, coordenador das operações de busca, disse que a equipe delimitou as operações de busca e que os sinais “promissores” indicam que “estão muito perto do local”.

AFP/Australian Defence/AFP - Navio australiano Ocean Shield durante as operações de busca dos destroços do voo MH370 da Malaysia Airlines no Oceano Índico

AFP/Australian Defence/AFP – Navio australiano Ocean Shield durante as operações de busca dos destroços do voo MH370 da Malaysia Airlines no Oceano Índico



“O sensor utilizado pelo navio militar australiano ‘Ocean Shield’ captou sinais compatíveis com os emitidos pelas caixas-pretas dos aviões”, disse Houston.

“Ainda não encontramos o avião, precisamos de confirmação”, completou, com extrema precaução, a respeito do Boeing 777 que desapareceu dos radares em 8 de março com 239 pessoas a bordo.

Houston destacou que a informação obtida nas últimas 24 horas é “muito promissora”.
Um dos contatos durou duas horas e 20 minutos, segundo Houston, e o outro 13 minutos.
“Pode levar alguns dias até que possamos estabelecer que os sinais pertencem ao voo MH370”, advertiu, antes de recordar que “na profundidade do oceano nada acontece rapidamente”.

O diretor do Centro de Coordenação de Agências Conjuntas (JACC, na sigla em inglês) disse que 12 aviões, nove deles militares, e 14 navios participam nesta segunda-feira nas operações de busca.

A área de busca alcança 234.000 quilômetros quadrados, segundo o JACC, que prevê boa visibilidade nesta região do Oceano Índico situada 2.000 km ao noroeste da cidade australiana de Perth.

Ver Tv Com VC
Shandy Games
Faa publicidade com a Pnico
Venha Ser nosso Parceiro


Envie esta postagem para um grupo no Facebook:


DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA MATÉRIA

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não da Rádio Pânico

Acesse o site do Comunidades.Net
Venha Ser nosso Parceiro
Venha Ser nosso Parceiro